sexta-feira, 12 de outubro de 2012

CARNAVAL DEVOTO , UM DOCUMENTÁRIO SOBRE O CÍRIO DE NAZARÉ


 Da Casa de produção “3 boludos y 1 perro”, via Renata Maués, uma das produtora do referido documentário, as explicações sobre o trabalho da equipe que se encontra em Belém, nestes dias de filmagens:
O doc-ficção longa metragem "Carnaval Devoto", de Regiana Queiroz, rodado entre as cidades de Vigia de Nazaré e Belém do Pará, durante a festa do Círio de Nazaré agora em outubro de 2012 é um filme estruturado na obra de Dante Alighieri, A Divina Comédia, e mostra o caminho percorrido por uma personagem de ficção que vai ao inferno, passa pela agonia do purgatório até receber a graça da redenção e alcançar o céu, em uma analogia que remete às manifestações profanas, festivas, alimentares, culturais e religiosas que são a marca mais intensa do Círio de Nazaré, registrado como o maior evento de devoção católica no mundo e Patrimônio Imaterial da Humanidade.

Nesta base de ficção documental, são percorridos todos os passos desta festa grandiosa que mostra um traço importante da cultura paraense: a fé do seu povo e a intimidade com que se relaciona com N. S. de Nazaré, padroeira do estado, aqui chamada carinhosamente de Naza, Nazica, Mãezinha, Mãe da Amazônia, entre outros adjetivos de aproximação nessa manifestação que veio a ser chamada também de "carnaval devoto", primeiro por um dos nossos maiores romancistas, Dalcídio Jurandir e, posteriormente, reafirmado este termo, pelo antropólogo Isidoro Alves em seu livro homônimo.

O documentário vai mostrar desde os rituais alimentares, festividades que antecedem, homenagens rendidas pelas diversas classes e categorias de devotos da Virgem, incluindo as consideradas profanas, como a famosa Festa da Chiquita, do movimento LGBT, romarias paralelas, brinquedos típicos, representações como o Auto do Círio, evento da classe artística que ocorre há mais de 10 anos e depoimentos de antropólogos, historiadores, artistas e pessoas comuns, através de um fio condutor ficcional.

Curtam o link da nossa página para acompanhar os próximos dias de gravação em Belém do Pará:

Também é importante conhecer o trabalho da diretora Regiana Queiroz, brasileira, radicada na Europa entre Milão e Paris, o que pode ser visto em sua página de vídeos já realizados anteriormente:

Direção: Regiana Queiroz
Produção Executiva: Renata Maués e Regiana Queiroz
Direção de Produção: Renata Maués
1° Assistente de Direção: Raphael Nunes
2° Assistente de Direção: André Felipe Damasceno
Equipe de Produção: Tássia Barros, André Felipe Damasceno, Ricardo Silva e Gullyt Medeiros
Fotografia de Cena: Tássia Barros
Consultoria Antropológica: Heraldo Maués
Trilha Sonora e Sonoplastia: Carlos Zarattini
Edição: Regiana Queiroz

Um comentário:

  1. Alex Barata da Silva15 de outubro de 2012 06:41

    Luzia , embora não seja catolico romano, é inegavel, a influência que o Cirio exerce sobre mim e todos os paraenses que não professam o catolicismo roamano.
    Vejo este filme como um presente a todos nós , por aborda um tema que ainda é pouco explorado pelos nossos cineastas salve algumas boas exceções.

    ResponderExcluir